Turistas de Niterói denunciam maus tratos em pousada de Angra

Loading

Uma família de Niterói alega ter sofrido constrangimento e maus tratos em uma pousada na Ilha Grande, em Angra dos Reis. Ao avaliar negativamente o local pelo Facebook, os turistas receberam respostas com xingamentos de “pobres, feios e miseráveis”, feitos pelo responsável pela pousada.

A universitária Priscila Oliveira, de 28 anos, passou três dias na Pousada Canto do Hibisco junto dos pais e do namorado. Ela afirma que, durante a hospedagem, foram diversos momentos de constrangimento além de a família ter uma quantia de R$ 47 subtraída do quarto em que estavam.

Em resposta à avaliação negativa feita por Priscila no Facebook, o responsável pela pousada, identificado como Henrique Sergio Soares de Santana, proferiu diversas expressões discriminatórias, tais como “pobres, feios, miseráveis e mal educados” e “aqui nunca foi para gente da sua laia”.

Em nota, a pousada alega que a proprietária do local arrendou o estabelecimento para Henrique e que os comentários feitos por ele são diversos às normas aplicadas pelo estabelecimento. A pousada ainda afirma que está promovendo administrativa e judicialmente medidas para coibir práticas desse tipo.

A família registrou boletim de ocorrência e o caso está sendo investigado pela 166ª DP (Angra dos Reis) e pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro.

Loading

Mais Matérias

Pesquisar...