Prefeitura de Macaé, RJ, reúne reclamações de falta d’água e aciona Procon para investigar Cedae

A Prefeitura de Macaé, no interior do Rio, encaminhou ao Procon nesta quinta-feira (7) a proposta para a abertura de uma ação civil pública contra a Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae). O documento reúne reclamações e denúncias de moradores sobre falta d’água.

O objetivo do município é que o órgão de defesa do consumidor, através da Procuradoria Adjunta de Proteção e Defesa do Consumidor, abra a ACP e encaminhe para a Justiça.

De acordo com a Prefeitura, após a abertura do processo, o órgão vai se reunir com a presidência da concessionária para discutir o encerramento do convênio renovado em 2012. As reclamações dos moradores sobre o serviço de abastecimento de água acontecem desde fevereiro de 2014 e o problema é agravado no verão.

A equipe de reportagem da Inter TV entrou em contato com a Cedae e aguarda um posicionamento sobre o problema da falta d’água e a possibilidade do encerramento do convênio.

G1 também entrou em contato com Procon para saber se o órgão vai investigar o problema da falta d’água.

VIA: G1 | Foto: Rui Porto Filho/Prefeitura de Macaé

DEIXE UMA RESPOSTA

+ 1 = 3