Depósito clandestino usado para substituir rótulos de cerveja é desativado em Barra Mansa

Um depósito clandestino foi desativado nesta sexta-feira (8), no bairro Vila Usrulino, em Barra Mansa. Ação fez parte de uma operação da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Civil. Segundo os agentes, o local funcionava para falsificar marcas de cerveja.

Mais de 40 mil garrafas de cerveja foram apreendidas e quase 25 mil litros de bebida. Rótulos de marcas menos conhecidas eram substituídos por outros de cervejas famosas. Os produtos eram distribuídos em toda região.

No local, 18 pessoas, sendo dois adolescentes, foram encontradas em condições insalubres. Segundo os agentes eles trabalhavam e viviam no galpão em situação comparada a trabalho escravo. Segundo a polícia, eles vieram do estado do Tocantins e não podiam sair e nem fazer contato com outras pessoas.

A investigação começou com a fiscalização de caminhões que circulavam pela Via Dutra e culminou na apreensão do material. Ninguém foi preso e os responsáveis pelo depósito não foram localizados.

Cervejas de marcas menos conhecidas recebiam rótulos de cervejas de maior vendagem — Foto: PRF

Cervejas de marcas menos conhecidas recebiam rótulos de cervejas de maior vendagem — Foto: PRF

Depósito clandestino funcionava no bairro Vila Ursulino, em Barra Mansa — Foto: PRF

Depósito clandestino funcionava no bairro Vila Ursulino, em Barra Mansa — Foto: PRF

VIA: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

27 + = 31