Search
Close this search box.

Governo do Estado inaugura nova maternidade do Hospital Estadual Azevedo Lima, em Niterói

O governador Cláudio Castro e a secretária de Estado de Saúde, Claudia Mello, inauguraram nesta sexta-feira (8/3), Dia Internacional da Mulher, as obras de reforma e modernização da nova maternidade do Hospital Estadual Azevedo Lima (HEAL), no Fonseca, em Niterói. A ala integra o conjunto de obras de requalificação e modernização que a unidade recebeu no último ano, com investimentos de R$ 6 milhões do Governo do Estado, por meio da Fundação Saúde do Estado.
 
— Esse hospital era considerado um dos piores da rede e, hoje, é um novo padrão que estamos levando para todo o estado. O que se tem é carinho pela nossa rede e pelos pacientes que vêm aqui. A gente fica feliz por estar vivendo um tempo de transformação na saúde pública do Estado do Rio, e é um momento de transformação que engloba o SAMU 100% RJ, que levou o serviço ao estado inteiro, nossos Centros de Imagem, a duplicação da alta complexidade, entre outras iniciativas. Quando focamos no que realmente importa, o resultado reflete em inaugurações como essa – pontuou o governador Cláudio Castro.
 
Especializada em partos de alto risco, a nova maternidade conta ao todo com 36 leitos, distribuídos por 12 enfermarias, que também ganharam banheiros (antes eram coletivos e localizados no corredor), novas camas, berços e poltronas. O consultório de atendimento neonatal e a sala de exame obstétrico, clínico e de ultrassom também foram reformados e receberam novos aparelhos de ultrassom obstétrico e de exame para recém-nascidos. A maternidade ganhou ainda uma sala de apoio à amamentação, para dar mais conforto e segurança neste momento especial de conexão entre mães e filhos.
 
As obras dotaram a maternidade de ambiência humanizada, iniciativa que integra o Projeto Ninho, modelo de atendimento que visa proporcionar um ambiente acolhedor e seguro para as mães e bebês, além de oferecer informações e orientações importantes para o cuidado com o bebê. Cada enfermaria da maternidade tem o nome de um pássaro.
 

Novas instalações da maternidade do Hospital Estadual Azevedo Lima (HEAL). Imagem: Rogério Santana.


Outra ação é o programa Mamãe Nota 10, que conta com o Espaço Ninho. Nele, todas as mães, durante a internação na maternidade, recebem informações sobre cuidados com o bebê, a forma correta de dar o banho e questões relacionadas ao sono, choro, cólicas e como agir em casos de engasgo, por exemplo. As orientações são dadas por uma equipe multidisciplinar formada por enfermeiros, fonoaudiólogos, psicólogos, nutricionistas e fisioterapeutas. O Programa Laços, que reúne 12 itens de higiene e cuidados com as mamães e os recém-nascidos em uma mochila, também integra as iniciativas de humanização e foi iniciado em junho de 2023.
 
– Essa entrega da nova maternidade, no Dia Internacional da Mulher, reforça ainda mais nosso compromisso em garantir um espaço totalmente modernizado, com equipamentos de ponta e, especialmente, acolhedor e humanizado –  destacou a secretária de Estado de Saúde, Claudia Mello.
 
Além da maternidade, o hospital também ganhou a nova emergência clínica e ortopédica, inaugurada em junho de 2023. A Fundação Saúde assumiu a gestão da unidade em fevereiro do ano passado. O HEAL é referência no atendimento de alta complexidade para a população de sete municípios da Região Metropolitana 2.
 
Segurança e tranquilidade para amamentar

Na nova sala de apoio à amamentação, as mulheres encontram todo o suporte necessário para o aleitamento de maneira prazerosa e segura. O espaço foi pensado dentro do conceito de atendimento humanizado que vem sendo implantado na unidade. Tem design inspirado em ninhos com pássaros e filhotes, trazendo elementos da natureza para transmitir uma sensação de calma e tranquilidade na hora do aleitamento. A mãe de primeira viagem, Evelyn Vitória, já conheceu o novo espaço com sua filha recém-nascida e aproveitou para exaltar a estrutura do hospital.
 
– É muito bonito ver o hospital assim. Passei por uma experiência muito boa neste meu primeiro parto. Como sou moradora de Itaboraí, eu não tinha certeza de onde eu poderia ser atendida. Me indicaram o HEAL e aqui fui muito bem recebida, alimentada e acolhida desde o início. Sem falar na estrutura que é ótima. Foi perfeito, nota dez – ressaltou Evelyn.
 
O local também está equipado com luz suave, cadeiras confortáveis e almofadas ergonômicas com enchimento de micropérolas de isopor, que se moldam ao corpo da mãe para garantir um apoio adequado para o recém-nascido.

Evelyn Vitória e a filha recém-nascida na nova sala de apoio à amamentação. Imagem: Rogério Santana.

Mais Matérias

Pesquisar...