Search
Close this search box.

Mais de 590 pessoas em dez cidades da Região Serrana estão fora de casa por causa chuva

Cerca de 593 pessoas em dez cidades da Região Serrana do Rio estão fora de casa por causa da chuva dos últimos dias.

O levantamento foi feito pelo g1. Do total, 430 pessoas estão desalojadas e 163 desabrigadas.

De acordo com a secretaria, em Cordeiro, no bairro Lavrinhas, parte da ponte que divide o bairro desabou.  — Foto: Divulgação: Comunicação Social secretário de estado de Infraestrutura e Obras.
De acordo com a secretaria, em Cordeiro, no bairro Lavrinhas, parte da ponte que divide o bairro desabou. — Foto: Divulgação: Comunicação Social secretário de estado de Infraestrutura e Obras.

O secretário de estado de Infraestrutura e Obras, Max Lemos, realizou, nesta quinta-feira (13), uma visita técnica nos municípios de Trajano de Moraes, Cordeiro, Macuco e Cachoeiras de Macacu.

Em Trajano de Moraes, foi realizada uma vistoria dos prejuízos causados pelas chuvas. No segundo distrito de Visconde de Imbé o temporal provocou queda de barreiras, fechamento de estradas e danos a residências.

Segundo o secretário, 50 casas serão construídas no município de Trajano de Moraes.

Em Trajano de Moraes foi realizada uma vistoria dos prejuízos causados pelas chuvas — Foto: Divulgação: Comunicação Social secretário de estado de Infraestrutura e Obras.
Em Trajano de Moraes foi realizada uma vistoria dos prejuízos causados pelas chuvas — Foto: Divulgação: Comunicação Social secretário de estado de Infraestrutura e Obras.

“Além de ampliar o fornecimento desses equipamentos já a partir da próxima semana, estamos desenvolvendo projetos para obras de pavimentação, construção de 50 casas populares e contenção de encostas na cidade,” disse o secretário de estado de Infraestrutura e Obras, Max Lemos.

De acordo com a secretaria, em Cordeiro, no bairro Lavrinhas, parte da ponte que divide o bairro desabou. Uma encosta caiu na rua do Campo do Cordeiro e residências estão em risco na região.

Ainda de acordo com a secretaria, em Cachoeiras de Macacu serão construídas 200 residências pelo Programa Casa da Gente.

Veja lista das cidades afetadas

  • Petrópolis – 233 desalojados
  • Carmo – 113 desalojados e dois desabrigados
  • Cachoeiras de Macacu – 12 desalojados e 42 desabrigados
  • Cantagalo – 52 desalojados e 21 desabrigados
  • Trajano de Moraes – 44 desabrigados
  • São Sebastião do Alto – 34 desabrigados
  • Cordeiro – 19 desalojados e três desabrigados
  • Teresópolis – dez desabrigados
  • Macuco – sete desabrigados
  • Sumidouro – um desalojado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Matérias

Pesquisar...