Search
Close this search box.

Laboratórios satélites vão reforçar pesquisa na região amazônica

Durante evento de comemoração aos 1000 dias de governo em Manaus (AM) nesta quarta-feira (29), o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, astronauta Marcos Pontes realizou a entrega de dois laboratórios do Projeto SALAS MCTI. O Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites MCTI (SALAS MCTI) é um projeto com a finalidade de instalar infraestruturas de apoio à pesquisa científica no território amazônico. Na ocasião, foram entregues uma SALAS Flutuante Vitória Régia e um SALAS de Selva – Peixe-boi.

Por meio do projeto, o MCTI ampliará as oportunidades para a pesquisa científica e formação de recursos humanos na Amazônia Legal; além de apoiar as atividades de pesquisa em diferentes áreas do conhecimento, servindo como ponto de apoio para os pesquisadores; mobilizar as unidades de pesquisas do MCTI na Amazônia Legal; e articular parcerias nacionais com foco na Amazônia Legal. Serão investidos no total R$ 75 milhões para as estruturas e laboratórios.

De acordo com o secretário de Pesquisa e Formação Científica do MCTI, Marcelo Morales, serão 50 laboratórios espalhados por todo o território amazônico. O objetivo, afirmou ele, é realizar uma exploração da biodiversidade de forma sustentável, colocando cientistas nas estações e contando com a colaboração das populações da região. “Em cada centímetro quadrado da Floresta Amazônica, temos genes e moléculas escondidas, que uma vez descobertas podem tratar doenças que hoje são incuráveis. É com a ciência que nós descobrimos, exploramos e trazemos isso à tona.”

Uma comitiva do MCTI está realizando entregas importantes para a ciência, tecnologia e inovações pelo país em comemoração aos 1000 dias de governo da atual gestão. O primeiro conjunto de entregas foi em Alcântara, no Maranhão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Matérias

Pesquisar...