Médicos e profissionais da UPA de Nova Friburgo, RJ, fazem paralisação

Loading

Funcionários e médicos da UPA de Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, iniciaram uma paralisação nesta terça-feira (22). Eles relatam que estão com os pagamentos dos salários de dezembro e o 13º atrasados. Apenas casos graves são atendidos.

Os pacientes com classificação vermelha (risco de morte), como, por exemplo, sintomas de infarto, AVC, hipertensão e hiperglicemia recebem atendimento. Os outros devem procurar o Hospital Municipal Raul Sertã, segundo orientação da prefeitura.

Ao todo, 148 profissionais trabalham na unidade administrada pela Organização Social Unir Saúde. O G1 tenta contato com a OS.

Os funcionários também afirmam que ainda não receberam duas parcelas do vale alimentação e que só retomarão os atendimentos quando o pagamento for feito.

Em nota, a Prefeitura de Nova Friburgo informou que “identificou que a Unir Saúde deixou de pagar entre janeiro e novembro do ano passado, R$ 447.456,59 de FGTS dos seus trabalhadores” e que no mesmo período “não repassou R$ 398.804,89 ao INSS dos funcionários”. Os dados são da Controladoria Geral do Município.

“A Prefeitura de Nova Friburgo vem fazendo um grande esforço financeiro para manter a UPA em pleno funcionamento, já que o Governo do Estado não cumpre com sua parte no pagamento. Já são mais de 20 milhões de reais que a Prefeitura investiu para esta finalidade, além do orçamento previsto”, informou trecho da nota.

O município disse ainda que irá “quitar o pagamento pendente por entender que a UPA presta um serviço essencial” e a “previsão é que a transferência bancária seja feita ainda nesta quarta-feira (23)”.

Em nota enviada ao G1, a Unir Saúde informou que “exerce gestão, gerenciamento e operacionalização da UPA 24h – Nova Friburgo, de forma compartilhada com a Secretaria Municipal de Saúde” e que “valores em aberto, a título de FGTS e INSS, foram objeto de um parcelamento junto ao Fisco, cujas parcelas se encontram adimplentes”.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Matérias

Pesquisar...