Prefeito de Angra dos Reis avalia desligamento de usinas nucleares

O prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão, avalia pedir o desligamento das Usinas Nucleares Angra 1 e 2, pela impossibilidade de executar um plano de emergência no município, em caso de acidente, por causa da falta de combustível.

Caso aconteça algum problema nas usinas, existe um plano de evacuação traçado, que deve ser seguido à risca pelos moradores da região, com rotas de fuga pelas estradas, o que está comprometido pela impossibilidade de se usar os veículos. têm como objetivo proteger o investimento que o Valor faz na qualidade de seu jornalismo.

Fonte: Valor Econômico

DEIXE UMA RESPOSTA